E-Chords
InuYasha

Fukai Mori (floresta profunda)(Chords)

InuYasha

Key: D
 
Intro: D  A  E  A 
       D  A  E  A 
 
 D          A              E      A 
fukai fukai mori no oku ni ima mo kitto  
    D          A              E      A 
okizari ni shita kokoro kakushiteru yo  
     D          A              E      A 
sagasu hodo no chikara mo naku tsukarehateta  
     D          A              E      A 
hitobito wa eien no yami ni kieru  
 
 
C     G      D       Em7 
chiisai mama nara kitto 
    D       G    D   Bsus4  
ima demo mieta kana  
 
 
Em7       C   D    G    D 
bokutachi wa ikiru hodo ni  
Em7      C  B7  Em7 
nakushiteku sukoshi zutsu  
        C  D      G   D 
itsuwariya uso wo matoi  
Em7      C  B7     Em7 
tachisukumu koe mo naku  
 
D A E A 
D A E A 
 
 
   D          A              E      A 
aoi aoi sora no iro mo kizukanai mama  
     D          A              E      A 
sugiteyuku mainichi ga kawatteyuku  
      D          A              E      A 
tsukurareta wakugumi wo koe ima wo ikite  
    D          A              E      A 
sabitsuita kokoro mata ugokidasu yo  
 
 
C    G      D          Em7 
toki no rizumu wo shireba 
   D          G    D   Bsus4  
mouichido toberu darou  
 
 
Em7       C    D    G   D 
bokutachi wa samayoinagara  
Em7    C  B7   Em7 
ikiteyuku doko made mo  
        C    D    G   D 
shinjiteru hikari motome  
Em7    C  B7       Em7 
arukidasu kimi to ima  
 
F#m  G  F#m  G 
F#m  G  F#m  F#sus4 
B 
 
 
Em7       C   D    G    D 
bokutachi wa ikiru hodo ni  
Em7      C  B7  Em7 
nakushiteku sukoshi zutsu  
        C  D      G   D 
itsuwariya uso wo matoi  
Em7      C  B7     Em7 
tachisukumu koe mo naku  
 
 
Em7       C    D    G   D 
bokutachi wa samayoinagara  
Em7    C  B7   Em7 
ikiteyuku doko made mo  
       C    D      G   D 
furikaeru michi wo tozashi  
Em7   C  B7   Em7 
aruiteku eien ni  
 
 
         C  B7     Em7 
tachisukumu koe mo naku 
      C   B7   Em7 
ikiteyuku eien ni 
 
TRADUÇÃO 
Agora no fundo da densa, densa floresta, certamente  
Despertou o que estava escondido dentro do meu coração 
 
Quanto mais me esforço a procurar o poder, mais me canso 
Todos irão desaparecer na escuridão eterna 
 
Mesmo se for pequena, certamente verei a tristeza 
 
Quanto mais vivemos 
Mais coisas perdemos pouco a pouco 
Perdido num vale, num chão inseguro 
Nos impossibilitando de falar e chorar 
 
Assim como o céu, muito, muito azul, ferido 
Todos os dias, o cedro vai para o rio. 
 
Uma estrutura alcançável, a mão da voz 
Um fraco e antigo coração está começando a bater novamente! 
 
No 'ritmo' do tempo, talvez voarei mais uma vez 
 
Vivemos em qualquer lugar 
Enquanto viajamos sem rumo 
Procurando a luz na qual acreditamos. 
Eu caminho com você. 
 
Quanto mais vivemos 
Mais coisas perdemos pouco a pouco 
Perdido num vale, num chão inseguro 
Nos impossibilitando de falar e chorar 
 
 
Vivemos em qualquer lugar 
Enquanto viajamos sem rumo 
Olho para trás 
O caminho tortuoso 
Andando para sempre 
 
Vivendo para sempre impossibilitados de falar e chorar. 
 
 
_______________________________________________________ 
Contribuição: Gilcelli Nascimento de Oliveira([email protected]) 

roll up this ad to continue

share this page

See Also: